Selecione um património mundial da UNESCO
DZT, Jochen Keute
 ©  

Bauhaus e suas obras em Weimar e Dessau

Como Escola Superior de Design, a Bauhaus revolucionou o trabalho e a visão artística e arquitetônica do século XX no mundo inteiro. Hoje, as obras originais em Weimar e Dessau, assim como museus e exposições, documentam estes fundamentos que até hoje marcam a era do Modernismo.

Quase que exatamente 70 anos depois de ter sido inaugurado o prédio de Gropius, em Dessau, os monumentos arquitetônicos da cidade e de Weimar foram incluídos na lista do patrimônio mundial da UNESCO em dezembro de 1996. As obras dos professores da Bauhaus, como Walter Gropius, Hannes Meyer, László Moholy-Nagy ou Wassily Kandinsky, definiram o estilo Bauhaus, que marcou profundamente a arquitetura do século XX. Em Weimar, a Bauhaus iniciou suas atividades em 1919 e realizou sua primeira exposição em 1923. Um exemplo característico da arquitetura da Bauhaus de Weimar é a "Haus am Horn", realizada como casa modelo segundo um projeto de Georg Muche em 1923.. Mas também dois projetos do belga Henry van de Velde, o prédio central da Universidade Bauhaus e a antiga escola de artesanato, na rua Geschwister-Scholl-Strasse, são exemplos puros da cultura Bauhaus. Também vale a pena visitar o Museu Bauhaus, na praça Theaterplatz – diretamente em frente do famoso monumento a Goethe e Schiller. Em Dessau, por sua vez, a Escola Superior de Design ("Hochschule für Gestaltung") atraía a vanguarda da época. Walter Gropius criou o prédio que foi inaugurado em 1926. Foi da Bauhaus de Dessau que a ideia do modernismo partiu para conquistar para a arquitetura e o design no mundo inteiro, o que pode ser visto em obras como as "Meisterhäuser", ou o conjunto habitacional Dessau-Törten. Aliás, no histórico refeitório universitário da Bauhaus você pode tomar café da manhã ou almoçar um dos pratos variados do cardápio sentado sobre bancos projetados por Marcel Breuer. Na "Atelierhaus" é possível alugar antigos quartos de estudantes, duplos ou individuais, alguns deles reformados segundo os originais históricos.


Impressum | © 2012 UNESCO Welterbestätten Deutschland e.V. | gefördert aus den Mitteln des Landes Sachsen-Anhalt